sábado, 3 de outubro de 2009

FC Porto - Estamos em Olhão !


Do Porto a Faro num fôlego e com todas as mordomias a bordo, 48 lugares executivos, jogos, cinema, internet... Dragão investe cerca de 40 mil euros no sossego antes de chegar o stress. Ganhar tempo, proporcionar o maior conforto possível aos jogadores e evitar o desgaste de uma viagem longa de ida e volta de autocarro, foram os motivos que levaram o FC Porto a alugar um avião de luxo para a deslocação a Olhão, onde amanhã os dragões defrontam o Olhanense. Mais um investimento que pode e deve fazer a diferença. O jogo de amanhã é importante, a Liga terá uma pausa de 3 semanas, logo é determinante encerrar este ciclo com uma vitória.

Jesualdo comparou o Olhanense ao Chelsea, que é como comparar os meus bolsos aos do Bill Gates, ou outra parvoíce qualquer.

O Olhanense é uma equipa de certo muito dificil e que vai dar trabalhinho, uma equipa muito à imagem do seu treinador, mas vinda da 2ª Lig e recheada de jovens. Quase meia dúzia pertencem aos quadros do FC Porto, uns com mais potencial do que outros, talvez um merecesse estar deste lado da barricada neste momento...
O FC Porto vem jogando mal, conseguiu duas vitórias importantes, embora a exibição quer num quer noutro caso tornassem a estar longe de convencer.

Por mais que Jesualdo e a sua trupe fujam às críticas e factos, é urgente haver uma revolução qualitativa do futebol apresentado, o FC Porto apresenta demasiadas carências que são deveras aumentadas sempre que estão em campo os meninos fetiche do treinador. Amanhã deverá estar pelo menos um deles em campo.

Rodríguez e Varela continuam ausentes, o que é uma pena, pois fazem imensa falta ao onze.

O FC Porto pode tornar o jogo simples ou fazer dele um pesadelo. A receita é simples: organização, raça e confiança serão ingredientes necessários para vencer no Arcanjo. Se encontrarmos uma equipa estática, com um deserto no meio-campo e parecendo não saber fazer 2 passes seguidos o pesadelo tornar-se-á realidade.

Força Porto, a vitória é o nosso objectivo.

Sem comentários: