segunda-feira, 26 de outubro de 2009

FC Porto - mais uma vitória para o nosso Clube


O FC Porto venceu por 3-2 a Académica e aumentou para 4 as vitórias em casa para a Liga Sagres, e os números traduzem as dificuldades provocadas pelos estudantes, principalmente durante a primeira parte. Os Azuis e Brancos exibiram-se em baixo nível durante grande parte dos 90 minutos da partida, com muitos passes errados e poucas situações de perigo criadas para a baliza de Rui Nereu, mas Mariano González e Ernesto Farías mostraram eficácia e assinaram os golos da vitória Portista. Miguel Pedro e Sougou ainda marcaram para os Estudantes, mas os três pontos não fugiriam aos Campeões Nacionais.

O encontro começou mal para os Dragões já que Fucile lesionou-se logo aos 3 minutos, tendo sido substituído pelo romeno Sapunaru, mas a fraca exibição dos jogadores do FC Porto na primeira parte não terá justificação neste facto. A toada dos primeiros 45 minutos foi de uma Académica bem organizada no seu meio-campo, revelando calma e concentração nas saídas para o ataque, e um FC Porto lento, a falhar demasiados passes e sem movimentações de desequilíbrio na frente de ataque. Foi com naturalidade que o nulo era o resultado ao intervalo e os adeptos Oortistas não deixaram de demonstrar o seu desagrado com uma enorme assobiadela no regresso da equipa ao balneário. O facto de a Académica ter 6 remates contra apenas 3 dos Azuis e Brancos ao intervalo é bem revelador da fraca exibição da equipa da casa.

A segunda parte trouxe um FC Porto mais acutilante, ainda que sem criar situações de golo, e Jesualdo Ferreira alterou o esquema da equipa aos 57 minutos fazendo entrar Ernesto Farías para o lugar de Rodríguez. A opção do treinador foi muito assobiada pelos adeptos mas viria a revelar-se acertada. Aos 65 minutos Mariano inaugurou o marcador depois de um cabeceamento de ressaca a um alívio após um canto, para apenas 3 minutos volvidos Farías fazer o 2-0, correspondendo a um bom cruzamento do mesmo Mariano.

O 3-2 reflecte a superioridade dos TetraCampeões Nacionais, mas também a boa prestação da Académica que aproveitou um dia menos bom do adversário e denotou boa organização na estreia do novo técnico André Villas Boas na Liga Sagres. Com este resultado o FC Porto reduz para 3 pontos a diferença para o Sp. Braga, líder do campeonato, e empata ainda que provisoriamente com o Benfica no segundo lugar da classificação.

Melhor em Campo: Farias

Sem comentários: