quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Saramago exagera nas criticas á Biblia



Multiplicam-se os comentários e as criticas a José Saramago pelo teor do seu novo livro "Caim". Por exemplo, no sítio pessoal na Internet, o vice-presidente do Partido Popular Europeu (PPE), eleito pelo PSD, escreveu : “Há uns anos, fez a ameaça de renunciar à cidadania portuguesa. Na altura, pensei quão ignóbil era esta atitude. Hoje, peço-lhe que a concretize... E depressa!”

Não vou tão longe, nem digo que tenho vergonha dele ..... mas parece-me que este senhor se excedeu e não foi pouco ... a Biblia é um livro sagrado e como tal deve ser respeitado por todos, independentemente de se concordar ou gostar do que lá está escrito.

É triste ouvir e ler o que Saramago escreveu e pior ainda, ninguém percebe qual o seu problema ?????

Sem comentários: