quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

O Algarve e o flagelo do Desemprego

As noticias dos últimos dias sobre o desemprego, apenas veio demonstrar que as políticas do governo estavam e estão erradas - esta frase diz tudo : Desemprego em níveis históricos a atingir os 11,1%.

Taxa de desemprego sobe para 11,1% no 4º trimestre e termina 2010 nos 10,8% 

Se falarmos do Algarve, o cenário ainda é pior. O Algarve regista a maior taxa de desemprego de Portugal. A situação ainda pode vir a agravar-se no primeiro trimestre deste ano, período em que tradicionalmente é o pior para o Algarve.

"No cômputo anual relativamente a 2010, o distrito de Faro continua a ser aquele onde a taxa de desemprego foi a mais elevada (13,4%) seguindo-se a região Norte com 12,6%, o Alentejo registou 11,4% e Lisboa 11,3 pontos percentuais. As taxas menores são as dos Açores (6,9), da Madeira (7,4) e a região Centro onde se verificou uma taxa anual de 7,7%.", conforme noticia do Observatório do Algarve.

O Algarve tem um concelho que caminha a passos largos para o pódio dos piores em Portugal.

A taxa nacional de desemprego anual em 2010 cifrou-se em 10,8%, no Algarve foi de 13,4%, mas há concelhos onde é muito maior. 

Albufeira ultrapassa 20%, em Lagos, Portimão e Vila Real de Santo António supera os 15% e Alcoutim com a taxa mais baixa (3.2%). 

E o pior ainda está para vir ...... 

Sem comentários: