quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

[a minha opiniao conta] Portugal no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas



E chegou o dia em que Portugal inicia o seu mandato para o triénio 2015-2017 no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. É uma enorme responsabilidade para Portugal, pois afinal de contas teve a votação mais expressiva num candidato a este conselho, teve 184 votos dos 192 possiveis.

Para Portugal pode, e deve ser aproveitado para melhorar o que podemos e devemos fazer para erradicar a pobreza, a descriminação e todas as formas de violência doméstica.

Que haja o nosso comprometimento em garantir que todas as metas sejam cumpridas, sem nunca deixar que fique esquecimento o compromisso de Portugal. Da minha parte, existe total comprometimento e força para lutar pela erradicação da pobreza e lutar contra todo o tipo de descriminações.

* dedicar especial atenção às violações e abusos de direitos humanos
* elaborar resoluções sobre o direito à educação e sobre direitos económicos, sociais e culturais
* elaborar resoluções que visem a eliminação da violência contra as mulheres
* defender a abolição universal da pena de morte
* trabalhar em estreita colaboração com o Alto Comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos
* respeito dos principios da Constituição da República Portuguesa
* privilegiar o diálogo e a procura dos consensos entre Estados
* no plano interno, sensibilizao o país para criar maior mobilização para as questões dos direitos humanos

Sem comentários: