COP26: esperam-se muitas manifestações e intervenções da sociedade civil

Que bem que me sabe dizer que se esperam muitas manifestações e intervenções da sociedade civil. A Cidadania a ser exercida sabe mesmo bem. 


Como em todas as cimeiras do clima, as manifestações serão mais que muitas.

Esta imagem não é de 2021, mas não será muito diferente.





Jovens, menos Jovens ... todos querem intervir e se manifestar. 

Mas a luta é dos jovens e aos jovens será pedido que liderem a luta.





"As manifestações e intervenções da sociedade civil em Glasgow vão ser importantes para manter a pressão sobre os políticos que participam na cimeira do clima das Nações Unidas em Glasgow", afirmou hoje um porta-voz da Coligação COP26.

"A Conferência é obviamente uma reunião de governos, mas nós desempenhamos um papel muito importante. Somos não apenas os olhos, ouvidos e vozes dos cidadãos de todo o mundo, mas ajudamos a amplificar a realidade daqueles que enfrentam o impacto da crise climática", disse à agência Lusa o porta-voz da coligação, Asad Rehman.

Esta aliança reúne cerca de 100 organizações não-governamentais, grupos de jovens e sindicatos e está a organizar uma conferência alternativa, a chamada a que chamou “Cimeira das Pessoas“, a partir de 7 de novembro, com dezenas de debates, workshops e eventos paralelos à 26.ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP26).

5 de novembro será o dia em que milhares de jovens deverão sair às ruas para um grande protesto da Greve Climática estudantil realizada regularmente às sextas-feiras. EM Glasgow vai ser um dia especial, acompanhado por todo o Mundo.

@joaobarbara

Comentários