Sobreviver! é o que sabemos fazer, Sobreviver!

 


Em 13 outubro 2021 eu criei uma Petição Pública "Pela imediata discussão da redução dos impostos no preço dos combustíveis". Ao dia de hoje, essa petição tem 15.330 assinaturas. Outras do mesmo teor foram feitas, algumas inclusive com muitas mais assinaturas, mas nenhuma foi levada a discussão na AR. 

As razões enfim, só os próprios partidos políticos o saberão. Falta de interesse político na discussão deste assunto? É um assunto que só interessa se for levantado pelo partido e não pelos cidadãos? 

Onde anda a cidadania? Onde está o dever cívico de cada um de nós em participar na sociedade? Em tornar esta uma melhor sociedade para nós e para os nossos filhos? 

Infelizmente poucos acreditam nisto, e percebo porquê. Mas não está em mim a palavra desistir. Por vezes parece que sim, mas a vida já me ensinou que mais vale dois passos atrás para depois voltar a dar um para a frente. 

O cenário atual de guerra no Leste Europeu veio demonstrar que de facto é preciso fazer algo, se este é exatamente o caminho, isso não sei. Mas era preciso que houvesse vontade política para tal, o que não acontece. Durante dois meses deram-nos uma "esmola", depois afinal sempre podem mexer nos impostos (aqueles tais que diziam não poder mexer), mas a verdade é que o combustível não para de subir. 

Soluções não existem. Como vão os portugueses pagar todas as subidas de bens que nos fizeram crer ser essenciais para a vida em sociedade? ninguém sabe ... mas sobreviveremos, porque é isso que fazemos.

Sobreviver! é o que sabemos fazer, Sobreviver!

Fica o link para a Petição Pública que ainda está disponível para assinatura. Quem sabe, com 50.000 ou mais, algo em Portugal acorda para a vida. 

É assim que movimentos extremistas aparecem, quando o processo democrático parece não querer mexer. 

@joaobarbara

Comentários